Arquivos de tags: Pai Nosso

Orações para combater a magia

Magia realmente existe? É possível uma pessoa interferir na vida da outra por este intermédio?

Antes é preciso tentar definir o que é magia. Segundo o Dicionário Aurélio, magia é uma arte tida como capaz de produzir, por meio de certas práticas ocultas, efeitos que contrariam as leis naturais. Seus sinônimos são encantamento e feitiço.

Qualquer místico ou ocultista sabe, entretanto, que não é possível contrariar as leis naturais, portanto, uma definição mais adequada é que a magia é produzir efeitos extraordinários através da utilização das leis naturais. Assim, mágica e magia se tornam intercambiáveis.

No caso da mágica, ela deixa de ser fantástica quando conhecemos o truque por trás de sua execução. O mesmo ocorre com a magia, que deixa de ser extraordinária.

Portanto, não é preciso temê-la ou achar que é bobagem. Magia existe sim e, na medida em que há pessoas mal intencionadas torna-se um instrumento disponível a quem se propuser a empregar as leis naturais para este fim. É a intenção do operador que dirige a magia, uma vez que não existe magia “negra” ou “branca”.

Porém, a benção apostólica que ocorre ao final do culto ou da missa é também um ato de magia, desta vez, ampla e indiscutivelmente benéfica a todos os presentes

Os caminhos da magia 

A magia segue os caminhos que lhe foram indicados. Para o bem, há anjos para cumprirem o seu papel. O mal emprega outra categoria de anjos para alcançar o seu destino.

A tecnologia proporciona resultados extraordinariamente “mágicos”, principalmente se seus princípios são desconhecidos.

Você já ouviu falar da nanotecnologia? Uma de suas aplicações é um tal de Montador Universal. Trata-se de um dispositivo capaz de construir átomo a átomo qualquer máquina concebida pela mente humana, seguindo apenas as instruções de um programador. Para realizar a sua tarefa, emprega energia e matéria ordenada, que são os mesmos requisitos para uma operação mágica.

Tudo no Universo é vibração e, aprendemos na Física Clássica que energia e matéria são intercambiáveis. Sem grandes complicações, vibração é energia em movimento. Som e luz são vibrações em frequências diferenciadas.

Pode ser que você esteja com um “trabalho encomendado”. Aí você recorre ao pai de santo ou ao pastor daquela igreja Pentescostal. O primeiro lhe cobra uma fortuna para tirar o “trabalho” e nada é garantido. O segundo lhe indicará para entrar para a Igreja dele. Um padre não fará muito diferente, embora tenha outros recursos à disposição e, se for o caso for muito grave, há toda uma burocracia a ser seguida, que irá parar no Bispo.

O fato é que a “energia” empregada para qualquer ato mágico, seja do bem como do mal, provém do Espírito Santo, a 3ª pessoa da Trindade. Ela é uma fonte de energia vibratória, mas não é a energia por meio da qual a magia opera, uma vez que necessita de anjos ou demônios, conforme o caso.

Assim, o que você precisa, é da intercessão de anjos apropriados e da força do Espírito Santo.

Abaixo, segue uma sequência de orações muito útil para esses casos:

Abertura: Sinal da Cruz, Pai Nosso, Ave Maria, Glória, Credo de Nicéia.

Invocação ao Espírito Santo: Vinde Espírito Criador, Ladainha do Espírito Santo.

São Miguel Arcanjo: Ladainha de São Miguel Arcanjo.

Combate Espiritual: Oração de São Bento, Oração em tempo de Combate Espiritual.

Finalização: Glória, Credo de Nicéia.

Anúncios

Meditação do Pai Nosso

A oração do Pai Nosso encontra-se em Evangelho de Mateus 6:9-13 e assumiu, ao longo dos séculos, um caráter ecumênico.

Nascido no contexto judaico, esta oração auxiliou ao cristianismo distinguir-se da religião praticada nas sinagogas, criando assim uma identidade cristã. nos Evangelhos, não está bem claro que esta seja uma oração definitiva ou uma fórmula que antecede as orações, pois em nenhum momento é descrito que os Apóstolos usassem esta oração em particular.

Nenhuma oração deve ser recitada mecanicamente e a melhor maneira de assimilar seu conteúdo é meditando sobre ela. Tereza D’Ávila o fazia constantemente, bem como outros místicos cristãos e doutores da Igreja. Há várias associações inclusive com as passagem do Pai Nosso e as emanações sucessivas existentes na Árvore da Vida cabalística.

Entretanto, sugiro uma meditação simples. Tenha à mão um terço comum. Servirá para que possa contar o número de vezes em que o Pai Nosso foi recitado. Não tenha pressa, inspire e expire lentamente. Faça apenas quando tiver certeza de que não será incomodado(a) por um bom tempo. Incenso ou velas são dispensáveis, uma vez que o foco deve recair na sua comunhão com Deus através da oração.

Você deverá inspirar e expirar para cada frase do Pai Nosso. Observe que ao inspirar, você inala energia cósmica ou divina e, ao expirar, você exala primeiramente as suas toxinas e resíduos e, depois de purificado, compartilha as bençãos que recebe. Trata-se de uma oração legada por Jesus, mas que opera através do Espírito Santo, quando realizada como abaixo:

Inspirar: Pai Nosso
Expirar:
que estais no Céu.
Inspirar: 
Santificado
Expirar:
seja o Vosso Nome.
Inspirar:
Venha a nós
Expirar:
o Vosso Reino.
Inspirar:
Seja feita
Expirar:
a Vossa Vontade.
Inspirar:
Assim na Terra
Expirar:
como no Céu.
Inspirar:
O pão nosso de cada dia
Expirar:
nos dá hoje.
Inspirar:
Perdoai
Expirar:
as nossas ofensas.
Inspirar:
Assim como nós perdoamos
Expirar:
a quem nos tem ofendido.
Inspirar:
E não nos deixeis cair em tentação.
Expirar:
Mas livrai-nos do mal. Amém.

Durante uma semana, faça o terço completo uma vez ao dia, preferencialmente no mesmo horário. Na semana seguinte, adicione um novo horário de maneira a recitar o terço duas vezes ao dia. A partir da quarta semana, você deverá estar rezando o terço com o Pai Nosso quatro vezes ao dia.

Você notará que orar o pai Nosso desta forma o torna longo e é provável que você sinta alguma tontura no início. mas já na primeira semana, você terá benefícios notáveis, como clareza de ideias, melhores relacionamentos à sua volta, bem como, uma saúde mais harmônica. A partir da quarta semana, a conexão com os planos divinos é mais fácil e é possível que tenha alguns insights, inspirações e iluminações, que podem ocorrer tanto no estado de vigília como no de repouso. Também, o nível de consciência do que existe e ocorre à sua volta é bastante ampliado.